Quinta, 19 de Julho de 2018
   
Tamanho do Texto

Pesquisar

Provérbios 11.11

    

Provérbios 11.11

Pela bênção dos justos a cidade é exaltada, mas pela boca dos ímpios é destruída” (Pv 11.11 NVI). 

É incrível como uma pessoa pode melhorar ou piorar um grupo e até uma cidade. Isso deveria fazer com que cada um pensasse em si como parte de algo maior e não como uma ilha isolada do mundo. Ao mesmo tempo, não deveria deixar com que a individualidade e os direitos pessoais solapassem a coletividade e os direitos de todos. Infelizmente, o que vemos por aí é o direito de uns desrespeitando o direito dos outros, trazendo prejuízos em meio à institucionalização do egoísmo.

O rei Salomão percebeu as consequências dessa realidade em seus dias e alertou para o fato de que o que cada homem fala — ele nem chega a tratar aqui das ações deles — é veículo de bênção ou de destruição para a sociedade. Assim, a exaltação e a glória de uma cidade podem vir não apenas por atos heroicos, mas “pela bênção do justo”. Bênção aqui pode se referir às orações do justo pela cidade ou pelo grupo com quem convive, mas pode também apontar para os resultados benéficos de suas palavras bem escolhidas. De qualquer modo, as coisas que ele diz trazem a ação bondosa de Deus sobre os outros e inflam de ânimo e retidão aqueles que o ouvem.

Por outro lado, a “boca dos ímpios” pode ser a causa da derrocada de uma sociedade, seja pelas consequências penosas de palavras imorais ou antiéticas, ou pela corrupção dos bons valores por discursos que desviam o povo da verdade e os faz amar o dinheiro, o prazer, o status, a vida desregrada e a falta de temor de Deus. Independente de que caminho sigam as palavras dos ímpios, a destruição da sociedade é certa, pelo que diz o apóstolo: “Não vos enganeis: as más conversações corrompem os bons costumes” (1Co 15.33 ARA). E então? Com que você quer afetar as pessoas ao redor? Com palavras de ânimo e de edificação ou palavras de revolta, ódio, imoralidade e desrespeito?

Pr. Thomas Tronco

Este site é melhor visualizado em Mozilla Firefox, Google Chrome ou Opera.
© Copyright 2009, todos os direitos reservados.
Igreja Batista Redenção.