Segunda, 19 de Novembro de 2018
   
Tamanho do Texto

Pesquisar

Provérbios 17.12

  

Provérbios 17.12

“Melhor é encontrar uma ursa da qual roubaram os filhotes do que um tolo em sua insensatez” (Pv 17.12 NVI). 

Uma das coisas mais assustadoras que já vi foi a história narrada em um episódio do programa Mordidas mortais (em inglês, I was bitten), no canal Animal Planet. A vítima estava em uma floresta com um amigo quando avistaram uma ursa parda zangada. Seu companheiro fugiu pela mata, deixando-o sozinho com a fera. A ursa o atacou, cravando suas garras na região das pernas e causou ferimentos em sua face que eu não posso reproduzir aqui. A ferocidade do animal e os danos causados àquele homem fizeram com que sua recuperação, apesar de ficar mutilado, fosse considerada por várias pessoas como um milagre.

O perigo de um urso é enfatizado mais de uma vez na Bíblia (2Rs 2.23,24; Os 13.8; Am 5.19). Entretanto, nesse provérbio, Salomão eleva o nível desse risco ao máximo fazendo sua comparação a “uma ursa da qual roubaram os filhotes”. Se um urso sozinho é um matador perigoso, imagine a fúria desse animal ao ter seus filhotes roubados. A morte diante dessa criatura, em tais condições, é quase certa. Porém, o escritor diz que “melhor é encontrar” essa ursa em seu mais profundo acesso de raiva “que um tolo em sua insensatez”. Alguém pode dizer que Salomão exagerou, valendo-se de uma figura de linguagem chamada hipérbole, a fim de enfatizar sua tese. Porém, devemos analisar melhor a situação antes de chegar a uma conclusão como essa.

O sábio rei tem razão ao fazer tal paralelo porque, enquanto um urso pode causar sérios danos físicos às suas vítimas, o homem tolo, em meio aos seus planos e práticas perversas, calculistas, dissimuladas, mentirosas e traiçoeiras, pode causar danos físicos, mas também pode causar sérios prejuízos no campo dos relacionamentos e na vida espiritual. Por isso, o mesmo escritor alerta: “Mantenha-se longe do tolo” (Pv 14.7a). O alerta vale para hoje, pois sempre há homens insensatos que ignoram o Senhor e sua Palavra. O perigo é o servo de Deus se aproximar demais deles e baixar sua guarda. O livro de Provérbios dá provas suficientes de que o homem que rejeita a Deus é tolo, mas não burro. Ele é convincente quando quer e consegue tramar muitos males. Portanto, se você encontrar uma ursa, corra! Mas saiba que ela pode lhe tirar menos coisas que um “tolo em sua insensatez”.

Pr. Thomas Tronco

Este site é melhor visualizado em Mozilla Firefox, Google Chrome ou Opera.
© Copyright 2009, todos os direitos reservados.
Igreja Batista Redenção.